Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As pegadas da coelha

"Transforma-te na tua melhor versão"

Síndrome pós-ferias como tratar?

A época oficial da síndrome pós-férias esta aberta. Alguns chamam-lhe ressaca, stress pós férias ou até depressão.

 

No fundo, é o confronto com a realidade nua e crua de que a nossa vida é uma porcaria, rotina após rotina, horas extras após horas extras, a fazer coisas que não gostamos, com um chefe melga, colegas esquizofrénicos e sem grande tempo para cuidarmos de nós e dos nossos mais queridos, tudo porque há contas para pagar e lá estamos nós no mesmo ciclo vicioso num estilo de vida que nos incutiram.

 

 

 

 

carrot1-300x206.jpeg

 

 

 

Tão bom que seria podermos definir os nosso próprios horários, trabalhar consoante o período do dia em que somos mais produtivos, fazer o que realmente gostamos ou até mesmo podermos escolher o nosso próprio escritório. 

 

 

 

 

IMG_1123.JPGIMG_3097.JPG

 

IMG_3233.JPGIMG_1131.JPG

 

 

 

 

Sair da zona de conforto não é para o comum dos mortais e Noelle Hancock é um exemplo de que exigiu bem mais do que simplesmente fazer as malas e encarar uma viagem durante um ou dois meses.

 

 

Seriam vocês capazes de cometer loucuras saudáveis? 

 

 

Esta jornalista no auge da sua carreira, usando esta expressão tão Tuga "teve-os no sítio" e simplesmente decidiu largar tudo em busca de uma vida que a preenchesse. 

Aí está ela em Saint John, nas Ilhas Virgens Americanas, vive num pequeno apartamento e vende gelados na ilha, garante estar muito mais feliz do que em frente a uma tela de computador sem tempo para si e para os amigos. 

 

 

 

Cle8lpEWIAAfChQ.jpg

 

 

 

Uma coisa é certa, de depressão pós-ferias não sofre ela certamente. Síndrome  esta caracterizada pela irritabilidade, cansaço, desconcentração, tristeza, mau humor ou alteração dos padrões de sono e de apetite na hora de regressar ao trabalho após um período de férias. 

 

Não se preocupa certamente com o mês de Setembro (altura de aperto financeiro), com os excessos cometidos nas férias, início do ano escolar,  regresso aos horários e obrigações a cumprir, ter um ano inteiro pela frente até novo período de descanso, insatisfação com o emprego (salário, stress, o ambiente laboral...).

 

 

 

COMO COMBATER ESTES SINTOMAS?

 

 

 

Para amenizar estes sintomas de quem não tem outro remédio senão voltar ao trabalho o ideal será:

 

 

- Desligar omodo férias” pelo menos dois dias antes do término das férias para se readaptar à rotina diária.

 

- Ir ajustando o seu horário aos horários de trabalho (horas de deitar e acordar,  refeições...).

 

- Manter o ritmo do sono nos primeiros dias, para um sono reparador.

 

- Dividir as férias por 2 ou 3 períodos ao longo do ano.

 

- Ter cuidado com a alimentação pois os  produtos processados e com excesso de sal e açúcar contribuem para que se sinta mal.

 

- Praticar exercício físico regular para estimular a produção de endorfina que conduz à sensação de bem-estar. 


- Fazer de Setembro o nosso mês de recomeços, um novo ano, elaborar planos a alcançar: ter um corpo perfeito para o Verão do próximo ano, programar as próximas férias, transformar-se na melhor versão...

 

- Dar prioridade às tarefas mais urgentes nos primeiros dias de regresso.

 

- Combinar atividades de Verão com os amigos para um despedir mais soft.

 

- Por último e a mais eficaz despedir-se!

 

 

 

Agora fica ao vosso critério as medidas a tomar e se não mudarem de vida, pelo menos parem de se queixar pois já não paciência para tanta lamuria nacional.

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre a coelha

foto do autor

Pub

Parceiros

lista de parceiros

Vasculhar

 

Correio

Instagram

Facebook

Bloglovin

Follow

Baú

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D