Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As pegadas da coelha

"Transforma-te na tua melhor versão"

Seja Especial, tenha classe!

IMG_1762.JPG

 

 

 

 

 

Hoje apeteceu-me escrever-vos sobre comportamentos, carácter, tolerância e partilha. À conversa com uma grande amiga, comentávamos o facto de nos cruzarmos várias vezes com pessoas de pouca paciência e com posturas intolerantes, muitas vezes até agressivas diante de situações onde muitas vezes "o drama não vale a cena". 

O centralismo no eu, acima de tudo e de todos, onde não há espaço para a convivência pacifica, respeitosa, ética e cívica. Um mundo onde ser insurreto e a malcriadez é motivo de orgulho e postagens nas redes sociais. Mas que mundo é este?!

 

Onde esta a consciência e o bom caráter? Onde estão os valores e o bom senso de outrora?

 

Concorda-se que devemos respeitar o outro, mas no minuto a seguir dá-mos asas a mexericos sobre a vida alheia. Damos a nossa palavra, mas ela acaba por se transformar mediante o contexto mais favorável para o nosso lado. Somos muitos honestos, mas isso depois também depende do tamanho de naco que nos põem à frente....

 

O comportamento ético é influenciado pelo meio que nos rodeia, pela educação, pela nossa caminhada, pelos tropeços que dá-mos... Cabe-nos a nós ter o discernimento de saber avaliar o que está certo e errado, onde acaba a nossa liberdade e começa a do outro.

 

Onde foi parar a integridade? Sim, essa forma de estar na vida baseada no respeito, dignidade, honestidade e transparência. 

 

Onde está a inteligência e maturidade de "jogar" limpo para ganhar?

 

Eu acredito que o carácter de um homem traça o seu destino, nós escolhemos o caminho a seguir e pagamos essa conta. As escolhas que fazemos, a nossa forma de estar na vida, influência o nosso trabalho, os nossos relacionamentos e a imagem que constroem de nós.

 

Onde foi parar a cortesia? 

Será assim tão difícil ser educado, gentil, atencioso, prestativo?

 

Pois é, mas neste mundo há filho de muita mãe e não nascemos nem crescemos todos para o mesmo. Classes sociais à parte, existem os com brasão e os sem brasão.

 

Eu sou lá obrigada a aturar o mau humor alheiro, as coscuvilhices da vizinha ou grosseria do padeiro....?

Minha gente, ponham-se de bem com a vida, preocupem-se com a vossa, pois certamente será mais interessante lambuzá-la ao máximo do que viver a do Manel.

 

Não se esqueçam que não estão sozinhos do mundo e que não somos os donos na verdade. Esta vida só tem sabor quando partilhamos, quando vemos o sorriso do outro estampado, quando contribuímos para melhorar o dia de alguém.... e que sabor, ser o sol na vida de alguém!

 

"Rir é bom e eu gosto", já dizia o meu inesquecível professor de clarinete, façam rir!

Elogiem, sejam prestativos, sejam corteses, esta elegância fica-vos tão bem!

 

Sejam tolerantes com os que, coitados, não sabem viver e conviver.

"Perdo-a-lhes Pai porque não sabem o que fazem."

 

Abram a porta para a menina passar primeiro, ajudem o vosso amigo na mudança de casa, ofereçam um miminho ao colega de trabalho, digam aquele bom dia caloroso à menina da pastelaria que vos atende todas as manhãs com aquela cara de salário mínimo afogada em despesas. 

 

Façam-no porque sim, sem esperar nada em troca, sejam diferentes, sejam íntegros! 

 

Seja Especial, tenha classe!

 

 

Mais sobre a coelha

foto do autor

Pub

Parceiros

lista de parceiros

Vasculhar

 

Correio

Instagram

Facebook

Bloglovin

Follow

Baú

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D