Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As pegadas da coelha

"Transforma-te na tua melhor versão"

Vem por aqui

cf3a2d139cf2456683c7c31b078788a4.png

 

 

 

 

"Vem por aqui"

— dizem-me alguns com os olhos doces

Estendendo-me os braços, e seguros

De que seria bom que eu os ouvisse

Quando me dizem: "vem por aqui!"

Eu olho-os com olhos lassos,

(Há, nos olhos meus, ironias e cansaços)

E cruzo os braços,

E nunca vou por ali...

A minha glória é esta: Criar desumanidades!

Não acompanhar ninguém.

— Que eu vivo com o mesmo sem-vontade

Com que rasguei o ventre à minha mãe

Não, não vou por aí!

Só vou por onde Me levam meus próprios passos...

Se ao que busco saber nenhum de vós responde

Por que me repetis: "vem por aqui!"?

Prefiro escorregar nos becos lamacentos,

Redemoinhar aos ventos,

Como farrapos,

arrastar os pés sangrentos,

A ir por aí...

Se vim ao mundo,

foi Só para desflorar florestas virgens,

E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!

O mais que faço não vale nada.

Como, pois, sereis vós

Que me dareis impulsos, ferramentas e coragem

Para eu derrubar os meus obstáculos?...

Corre, nas vossas veias, sangue velho dos avós,

E vós amais o que é fácil!

Eu amo o Longe e a Miragem,

Amo os abismos, as torrentes, os desertos...

Ide! Tendes estradas,

Tendes jardins, tendes canteiros, Tendes pátria, tendes tetos,

E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios...

Eu tenho a minha Loucura !

Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,

E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios...

Deus e o Diabo é que guiam, mais ninguém!

Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;

Mas eu, que nunca principio nem acabo,

Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.

Ah, que ninguém me dê piedosas intenções,

Ninguém me peça definições!

Ninguém me diga: "vem por aqui"!

A minha vida é um vendaval que se soltou,

É uma onda que se alevantou,

É um átomo a mais que se animou...

Não sei por onde vou,

Não sei para onde vou

Sei que não vou por aí!"

 

 

 

José Régio

 

As nossas emoções provocam doenças

dream04.jpg

 

 

 

Já ouviram dizer que quando a boca se cala, o corpo fala!!

Pois é, os remoinhos de emoções que temos cá dentro podem ser os verdadeiros responsáveis pelas doenças físicas que se desencadeiam, mas há boas notícias, amar pode curar!

Muito cuidado com aquilo que andamos a fabricar no nosso intelecto, o drama não vale a cena!

 

 

O resfriado escorre quando o corpo não chora.

A dor de garganta surge quando não é possível comunicar as aflições.

O estômago arde quando a raiva não conseguem sair.

O diabetes aparecem quando a solidão dói.

O corpo engorda quando a insatisfação aperta.

A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.

O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.

A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.

As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.

O peito aperta quando o orgulho escraviza.

A pressão sobe quando o medo aprisiona.

As neuroses paralisam quando a criança interna tiraniza.

A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.

 

 

 

As doenças surgem ligadas às emoções assim como à genética. Quando ainda estamos no ventre materno já somos expostos aos padrões emocionais vivenciados no ambiente familiar, padrões estes que são transmitidos na educação da criança e que posteriormente se manifestam fisicamente se não forem trabalhados.

 

Estes padrões e crenças negativas causam doenças e a mudança de pensamento cura doenças.

Abaixo deixo-vos uma lista das doenças, seguidas dos respetivos padrões e crenças, assim como os óleos essenciais que auxiliam na melhoria dos sintomas.

 

 

 

 

Acidentes – Rebelião contra autoridade. Crença em violência, raiva.

Óleo essencial (aromaterapia) – Lavanda, Melissa, Neroli

 

Acne – Não se aceitar; desamor de si.

Óleo essencial (aromaterapia) – Tee Tree e Lavanda

 

Adenóides - Atritos familiares, discussões. Criança se sente mal querida.

Óleo essencial (aromaterapia) – zimbro, cipreste, hortelã, árvore de abeto, lavanda, eucalipto, Tee Tree

 

Alcoolismo Sentimentos de futilidade, inadequação, culpa e auto-rejeição.

 

Alergias – A quem você é alérgico? Falso ego e sensibilidade.

Óleo essencial (aromaterapia) – Rosa, bergamota, sândalo e jasmim

 

Amigdalite – Emoções reprimidas e medo; raiva reprimida.

Óleo essencial (aromaterapia) – Tee Tree (Melaleuca)

 

Anemia – Falta de prazer; desinteresse da vida (causas emocionais das doenças)

Óleo essencial (aromaterapia) – Salvia sclarea, funcho, Cipreste, Geranio Salvia – Salvia oficinalis

 

Apendicite – Medo da vida; bloqueio do fluxo das sensações.

 

Arteriosclerose – Resistência; tensão; abertura mental estreita.

Óleo essencial (aromaterapia) – Limão, Laranja doce

 

Artrite – Amargura, ressentimento, crítica, sentimentos de desamor.

Óleo essencial (aromaterapia) – Cipreste, Limão

 

Asma – Super sensibilidade; amor sufocado; supressão do choro, sentimentos sufocados.

Óleo essencial (aromaterapia) – Bergamota, Camomila, Lavanda, Neroli e Rosa

 

Ataques, golpes,congestão – Rejeição da vida; auto-violência, resistência extrema (causas emocionais das doenças)

 

Bexiga (problemas) – Ansiedade; resistência contra novas idéias.

Óleo essencial (aromaterapia) – Geranio, Ylang Ylang, Vetiver, Incenso

 

Boca (problemas) – Incapacidade de engolir idéias; fixação de opiniões e mente fechada. 

 

Bronquite – Ambiente familiar inflamado.

Óleo essencial (aromaterapia) – Tomilho, Tee Tree, hortelã Pimenta, Eucalipto, Cipreste

 

Bursite – Raiva reprimida, vontade de bater em alguém.

Óleo essencial (aromaterapia) – Lavanda, Zimbro, Eucalipto, Alecrim

 

Caimbras – Tensão; segurar-se; oprimir-se.

Óleo essencial (aromaterapia) – Bergamota, Camomila, Melissa, Lavanda

 

Cancro – Profundos segredos ou aflições corroendo o Eu; retenção longa dos ressentimentos;ferimentos profundos.

Óleo essencial (aromaterapia) – Para aumentar a imunidade: Limão siciliano e Tea tree Para equilibrar o sono: Lavanda e Lemongrass Para reduzir a ansiedade, medos, inseguranças e combater a depressão: Bergamota, Tangerina e Laranja Doce Para reduzir o enjoo: Hortelã Pimenta Reduzir a Pressão Arterial: Ylang Ylang e Manjerona Aumentar a pressão Arterial: Alecrim

 

Catarata – Futuro pouco claro; inabilidade de ver a frente (causas emocionais das doenças)

 

Ciática – Medo do dinheiro e do futuro.

Óleo essencial (aromaterapia) – Hortelã Pimenta, Gerânio, Mangerona, Alecrim

 

Coceira – Desejos insatisfeitos, remorso; punição e culpa.

Óleo essencial (aromaterapia) – Tee Tree, Hortelã, Limão, Camomila, Cipreste

 

Colesterol – Entupimento dos canais do prazer; medo de aceitar o prazer.

Óleo essencial (aromaterapia) – Limão, Mandarina

 

Colite – Pais super-excitados; opressão, menosprezo; necessidade de afeto.

Óleo essencial (aromaterapia) – Alecrim, Eucalipto, Gerânio, Camomila, Hortelã Pimenta, Limão

 

Contensão (esgotamento) – Pequenos impactos da vida.

Óleo essencial (aromaterapia) – Camomila, Lavanda, Neroli, Ylang Ylang

 

Coração – Problemas emocionais sérios longamente suportados; falta do prazer, rejeição da vida. Crença nas pressões e no esforço.

Óleo essencial (aromaterapia) – Cedro, Laranja, Manjericão

 

Corcunda – Raiva atrás de você, ressentimento conservado.

 

Crescimento – Nutrir ferimentos emocionais, falso senso de valores e orgulho. 

 

Dedos – Super exagerar os detalhes da vida (unhas- super analisar).

 

“Defeitos” de nascença – Necessidade de reencarnação; você pediu para vir assim. Não se sinta culpado. Você e seus pais, têm algo a aprender.

 

Dentes – Sustentar longas indecisões; incapacidade de derrubar ideias por análise ou decisão. 

 

Deslocamento de disco Indecisão; não se sentir emocionalmente amparado pelos outros.

 

Desmaios – Medo; não poder conviver ou enfrentar; apagar-se de tudo. 

 

Diabetes – Profundo sentimento de mágoa; falta de açúcar na vida, dependência afetiva, buscam incessantemente atenção, afeto e amor. 

 

Doenças venéreas – Culpa sexual; crença de que os órgãos genitais são pecaminosos e sujos; necessidade de punição. 

 

Dor – Congestão, bloqueio; crença em barreiras; punição, culpa. 

 

Dor de Cabeça – Tensão, revolta, contrariedades emocionais. Sentimentos feridos.

 

Dor de ouvidos – Causa emocional da doença – Raiva; não querer ouvir.

 

Edema – Super sensibilidade, individualidade machucada. Personalidade ferida. 

 

Enjoar no carro – Medo-dependência, sentimento de ser pego em armadilhas. Eu ando facilmente no tempo e espaço. Não existe o medo.

 

Enjoar no mar – Medo; medo da morte. 

 

Enlouquecer – Reter amor e consideração (causas emocionais das doenças) 

 

Envelhecer – Crença social; velhos pensamentos. 

 

Enxaqueca – Resistência ao fluir da vida; medos sexuais. Desperdícios emocionais. 

 

Epilepsia – Rejeição da vida; sensação de perseguição; violência contra si.

 

Esclerose múltipla – Dureza mental, coração endurecido, vontade de forra; inflexibilidade. 

 

Espinhas – Crença na feiúra, culpa, ódio de si.

 

Estomago (problemas) – Incapacidade de assimilar ideias. Medo de novas ideias.

 

Excesso de peso – Insegurança; auto-rejeição; procura de amor. Medo de perda, sufocar sentimentos.

 

Face (doenças) – Representa individualidade, reconhecimento

 

Fadiga – Resistência, aborrecimento; falta de amor pelo que faz.

 

Febre – Queimar-se com alguém ou algo; raiva. 

 

Febre do Feno – Congestão emocional; confusão nas crenças; medo do moralismo.

 

Gagueira – Insegurança; falta de auto-expressão (causas emocionais das doenças) 

 

Garganta – Repressão de raiva; ferimentos emocionais engolidos. 

 

Gastrite (gases) – Reter ideias indigestas; sufocar o ar por medo. 

 

Gengivas (problemas) – Inabilidade de levar avante as decisões uma vez que elas sejam tomadas. 

 

Glândulas (problemas) – Desequilíbrio; falta de ordem; distribuição insuficiente.

 

Glaucoma – Pressão emocional por sustentar por longo tempo sentimentos feridos. 

 

Gota – Impaciência, raiva, dominação. 

 

Gripe – Respostas a negatividade e crença geral; medo, crença em estatísticas. 

 

Hemorróidas – Carga, pressão, tensão, medo de deixar acontecer. 

 

Hemorragias – Perda da alegria, o sangue é o fluxo da vida e representa a alegria, que gera felicidade. Pode viver contrariado e não sentir alegria pelas coisas que faz, não fazer o que verdadeiramente ama na vida. 

 

Hepatite – Medo, raiva, ser odiado. O fígado é o local da raiva e emoções primitivas. 

 

Hérnia – Carga, resistência mental, autopunição; raiva; expressões criativas incorretas.

 

Herpes – Prolongada suspensão nervosa (causas emocionais das doenças) 

 

Hipoglicemia – Desequilíbrio no sistema. Dependência afetiva, buscam incessantemente atenção, afeto e amor 

 

Impotência – Pressão sexual, tensão, culpa; crenças sociais; rancor contra um antigo parceiro. 

 

Inchaços (verrugas) – Auto-rejeição, medo, falta de amor. 

 

Indigestão – Medo, ansiedade, pavor. 

 

Insanidade – Escape, recolhimento; violenta separação da vida. Ressentimentos familiares. 

 

Insónia – Tensão, culpa, medo. 

 

Laringite – Medo de verbalizar opiniões; raiva. Ressentimento da autoridade. 

 

Mãos – A habilidade de segurar e deixar as ideias escaparem; medo de novas ideias. 

 

Mau hálito – Atitudes podres, pensamentos estúpidos. 

 

Menopausa (problemas) – Medo de não ser mais querido, auto-rejeição. Modo de envelhecimento. 

 

Nervos e nervosismo – Comunicação, luta, pressa; medo, ansiedade. Pensamentos confusos. 

 

Olhos (problemas) – Não gostar do que vê em sua vida. Medo do futuro; não ver a verdade. 

 

Ombros – Suportar carga, excesso de carga. 

 

Ossos (problemas) – Revolta contra a autoridade (os ossos são a estrutura do universo). 

 

Paralisia – Medo, escape, resistência, choque. 

 

Pele (problemas) – Sentir-se ameaçado na individualidade; falta de segurança, impaciência; assadura; maneira de ganhar atenção. 

 

Pernas (problemas) – Medo do futuro (as pernas carregam você para frente). 

 

Pés (problemas) – Medo do futuro.

 

Pescoço (problemas) – Inflexibilidade, recusa em ver outros lados da questão; teimosia. 

 

Pneumonia – Desespero; cansaço da vida, preocupações emocionais; distúrbios internos. 

 

Pressão sanguínea ALTA: manter por longo tempo problemas insolúveis; BAIXA: depressão, mágoa, derrotismo, raiva. 

 

Prisão de ventre (intestinos) – Recusa de relaxar sobre velhas ideias; mesquinhez.

 

Próstata (problemas) – Desistência, derrotismo sensualidade excessiva com sentimento de culpa; crença na velhice.

 

Psoríase (pele) –Insegurança emocional. 

 

Pulmões – Medo de receber e dar-se à vida. 

 

Quadris (problemas) – Medo de ir avante em decisões importantes. 

 

Raiva; queimar-se com os outros. 

 

Quisto – Crescimento falso; fomentação de choques e machucados emocionais. 

 

Raquitismo – Desequilíbrio emocional; falta de amor e segurança. 

 

Resfriados – Confusão, desordem, pequenos machucados; família e crenças estereotipadas.

 

Retenção (líquidos) – O que é que você tem medo de perder? 

 

Reumatismo – Falta de amor; ressentimento; amargura cronica; vingança. 

 

Rins (problemas) – Crítica, sensibilidade, desapontamento. 

 

Roer unhas – Separação dos pais (emocional), pedaço de si que se recalca, revolta. 

 

Sangue (problemas) – Falta de alegria; faltas de circulação das ideias; pensamentos estagnados. 

 

Sinusite – Presença de pessoas que o irritam. 

 

Surdez – O que você não quer escutar? Rejeição, teimosia, isolamento. 

 

Tórax (Quisto) – Super dimensão de atitudes e propósitos na vida. Super proteção.

 

Tosse – Nervosismo, amolação, crítica. 

 

Tuberculose – Egoísmo; possessão; crueldade. 

 

Tumor – Crescimento falso; ferimentos e choques emocionais. 

 

Tumor no cérebro – Crenças incorretas computadas; teimosia; recusa em mudar os velhos padrões. 

 

Úlceras – Algo se corrói em você; ansiedade, medo, tensão. Crença em pressões. 

 

Urinar na cama – Medo dos pais (normalmente do pai). Amor, compreensão e compaixão.

 

Urticária – Pequenos medos escondidos; exagero de pequenos problemas. 

 

Vaginite – Culpa sexual; sentimento de perda de alguém ou algo amado. 

 

Varizes – Negatividade, resistência; remoer emoções; sustentar um trabalho que você odeia; circulação entravada, atulhada de ideias; desencorajamento. 

 

Verruga – Acumular de momentos de ódio, viver desconfiado e sempre atento para com as coisas ruins do ambiente. 

 

Vesícula (pedras na) – Amargura; pensamentos dolorosos que você não encontra meios de evitar.

 

 

 

 

Nós criamos uma realidade no nosso mundo mental e materializamos no nosso corpo, não somos vítimas de nada a não ser de nós mesmos.

Isto pode ser revertido se nos consciencializarmos sobre a forma como encaramos, sentimos e vivemos a vida e a forma como a vivemos. 

 

Se somos vítimas de nós mesmos, que tal deixar-mos de o ser?

 

 

Qual o elemento do teu signo

IMG_4613.JPG

 

 

 

 

Esta coisa dos astros ainda tem que se lhe diga, coincidências ou não, existem as suas semelhanças quer com pessoas do mesmo signo, quer do mesmo elemento. É simples perceber como se distribuem, existem sempre três signos associados a determinado elemento:

 

Fogo, dinâmicos e fogosos: Carneiro, Leão e Sagitário

Terra, amorosos e realistas: Touro, Virgem e Capricórnio

Ar, ousados e criativos: Gémeos, Balança, e Aquário

Água, sonhadores e românticos: Caranguejo, Escorpião e Peixes

 

Agora que sabemos a que elemento pertence o nosso signo, passemos às características de cada um que familiarizam os signos que dele fazem parte:

 

 

FOGO

 

Este elemento que está em constante movimento, não deixam para amanhã o que podem fazer hoje. Vivem a vida intensamente principalmente no que toca a assuntos do coração, entregam-se de corpo e alma desde que se considerem reconhecidos. Costumam ser sinceros com pessoas próximas. Nas questões do amor são espontâneos e gostam de sensações fortes no amor, não gostam de tédio e apimentam as relações fazendo um esforço para surpreender seu parceiro. 

São espontâneos no ambiente profissional e tem sempre o que fazer. São entusiasmados, confiantes, impetuosos, conquistadores e tem o desejo de vencer. Não contam com ninguem para ganhar a vida, são autónomos e ambiciosos e tem uma capacidade de visão em longo prazo.

São também impacientes, egoístas ou intolerantes. Por vezes não são objetivos e não refletem mostrando-se autoritários embora camuflados de benevolência.

Bota fogo nisso! 

 

 

 

Carneiro é governado por Marte

O marciano é realista, o instinto e a ação estão ligados e toma medidas concretas. É espontâneo, livre, gosta de coisas autênticas, muito reagente em relação a seu ambiente através de sensações, emoções ou paixões, por norma poderosas.Quem tem um irmão impulsivo vai perceber ehehhehe. Vive intensamente o presente.

 

 

Leão é governado pelo Sol

Olhar penetrante e dominador, é empreendedor e expressivo. Consciente de si, impõe, conduz e organiza o seu ambiente. Sente-se muito atraídos pelas artes.

 

 

Sagitário é governado por Júpiter

Bon vivant, generoso,entusiasmado, radiante, otimista e também preguiçoso ou descuidado. Impõem-se com facilidade e brilha , é Inteligente e procura expandir os seus conhecimentos, retirando lições da sua experiência. Por vezes tem excessos alimentares e Os jupiterianos 

 

 

 

 

TERRA



Estes signos ao contrário dos de Fogo, valorizam a segurança em relação à aventura. Nas questões do amor, são mais reservados e tímidos, mas isto até e soltarem e ficaremm carinhosos, românticos e muito sensuais.

Fazem tudo com os pés sentes na terra, não brincam com coisas sérias, principalmente com sentimentos alheios e são conscientes. 

Com as pessoas próximas não suportam mentiras e hipocrisias e no trabalho valorizam o carácter e a boa vontade. São exigentes e acabam por exagerar nas cobranças e no senso crítico

 

Simbolicamente a terra segue o fogo, concretiza as conquistas do fogo, tornando-as duradouras e adequadas. Os signos deste elemento tem um temperamento calmo, realista, às vezes materialista e rigoroso. Constrói coisas concretas e gosta de segurança material. Tem uma boa percepção da realidade o que facilita bons investimentos e sucesso. É frio, desapegado, tem falta de flexibilidade, leveza, imaginação, tolerância e não acredita naquilo que vê.

As necessidades amorosas são primárias, sensualidade, beleza física, segurança, estabilidade e tranquilidade.Valorizam  a vida em família e levam tempo para se decidir, baseiam-se na durabilidade, sem riscos e mudanças. Tem muita necessidade de segurança e pode ser interpretado como possessivo ou sufocante. 

 

 

Touro é governado por Vênus

O venusiano tem um equilíbrio e uma paciência naturais. Ele espera para ver antes de julgar ou agir. Ele expressa naturalmente suas emoções e suas paixões, ele é criativo e inventivo. Ele ama tudo que concerne à beleza e vive em função do Belo e do Bem. Ele percebe o bem em cada pessoa, mesmo em seus inimigos. Os venusianos são amáveis, sociáveis e têm um senso muito desenvolvido de estética.

 
 

Virgem é governado por Mercúrio

O mercuriano é sociável, gosta de contatos variados, adora comunicar. Ágil, disponível, quer ser livre para iniciar relacionamentos, não gosta de se sentir preso a nada nem a ninguém. De temperamento agitado e curioso em relação a tudo, é constituido por um bom senso crítico e de uma grande habilidade.

 

 

 

Capricórnio é governado por Saturno

Ama a solidão, a disciplina e a discrição, é sério, prudente, duro e muitas vezes solitário. Não confia nas aparências e não fala se não tem nada a dizer, não manifesta as suas opiniões. Não é fã de agitação e de instabilidade, é  calmo. Pode tornar-se  austero, rígido, pouco comunicativo, pessimista ou de caráter duro.

 

 

 

 

Ar

 

Talentoso a evitar atritos, com poder de comunicação e muita sensibilidade, não têm medo de desafios. Encaram as dificuldades e detestam seguir os padrões tradicionais da sociedade. No amor, fazem questão de se relacionar com pessoas que tenham qualidades especiais para oferecer. São exigentes na conquista e não gostam quando uma relação cai na rotina. Sabem usar bem a clareza de raciocínio e o bom-senso que possuem. 

 

Os signos do ar simbolizam o intelecto, a interação com os outros, as artes. Adapta-se a tudo aquilo que o cerca, é sociável com um grande interesse por tudo aquilo que é humano e procura desenvolver-se através do contato com os outros.

Tem um lado instável e indeciso, tem tendência a se dispersar ou a passar por cima das situações, é muito racional, superficial ou crítico, tem problemas em ceder ao desejo quando ele está presente.

 

Elabora argumentos que afetam a sua lucidez e perde oportunidades de desfrutar de uma situação sensual por cortar suas motivações ou por questionar sua atração

Tem problemas em expressar as suas emoções, mas tem vontade de se envolver e também de aprender sobre as relações amorosas.

A sua instabilidade ou indecisão podem ser desgastantes para um parceiro mais simples, natural ou mais instintivo.

 

 

Gémeos é governado por Mercúrio

Sociável, ávido por encontros múltiplos, por contatos variados, pelo simples prazer de se comunicar a de aprender. Por vezes é evasivo a esquivar-se e nas suas manobras, aliás são gémeos, logo tem um jeitinho especial para interpretar a situação da maneira que mais lhe convém. Não quer se sentir preso a nada nem a ninguém é habil e disponível. Tem um temperamento curioso em relação a tudo e é dotado de um bom senso crítico.

 
 

Balança é governado por Vênus

Tem um equilíbrio e uma paciência naturais, espera para ver antes de julgar ou agir. Expressa naturalmente as emoções e suas paixões. É criativo e inventivo, ama a beleza e vive em função do Belo e do Bem.  Percebe o bem em cada pessoa, mesmo nos inimigos. São amáveis, sociáveis e têm um senso muito desenvolvido de estética.

 

Aquário é governado por Urano

É singular, autônomo, original, independente e a sua liberdade é essencial. Inteligente, entende as coisas mais rápido que os outros, tem ideias vanguardistas antes de todo mundo e é  incompreendido. Não tem medo de explorar caminhos novos, afastando-se de crenças,  é livre de qualquer preconceito intelectual e se interessa por tudo.

 

 

 

Água (o melhor elemento) eheheheheh


Adoramos fantasiar as relações afectivas!

Costumamos ser transparentes em tudo e temos uma percepção apurada, evitando perigo ou constrangimento. Resolvemos tudo com muito jogo de cintura.

Valorizamos a honestidade e somos sonhadores, fantasiamos situações afectivas e a felicidade. Na verdade o que gostamos mesmo é de viver as emoções na prática!

Com muito mimo, carinho e carícias, mas de preferência, em romances que sejam intensos e cheios de cumplicidade.

 

A água leva o ar lógico e racional para o universo do sentimento, das emoções, das sensações e do instinto. Destacamo-nos pela sensibilidade, um certo conformismo, intuição e pelo desejo sincero de ajudar os outros. Somos sentimentais, sonhadores, muitas vezes idealista e receptivos para ouvir e compreender todos os que nos rodeiam. Sensíveis e emotivos, recuamos e siolamo-nos para nos protegermos da crueldade do mundo.

 

Nas relações amorosas somos atenciosos o que agrada ao nosso parceiro. Somos sensuais e comocamos muito sentimento e emoção nos jogos amorosos, mesmo que, às vezes, se perca a luta ou que, ao contrário, nos mostremos ciumentos e possessivos,  por falta de confiança no nosso charme. É nos relacionamentos duradouros, de confiança que damos o nosso melhor, com comportamentos românticos, romantissíssimos...

 

 

Caranguejo é governado pela Lua

Raispararta a lua e os seus ciclos! Nós os lunares somos sonhadores ciclotímicos, cujo humor muda de acordo com as fases da lua. Imaginativos e hipersensíveis, ligados ao passado e  origens. Afetuosos e protetores, mas ansiosos (bota ansioso nisso!) Normalmente têm uma excelente memória e apresentam por vezes afinidade com o mundo infantil. São extremamente recetivos e reagentes a quaisquer estímulos e, muitas vezes, dramatizam (nunca na vida!).

 
 

Escorpião é governado por Plutão

Quem tem um pai assim vai perceber. É decidido, corajoso e, às vezes, agressivo.

A sua energia física e psicológica faz com que viva as emoções fortes com intensidade. É  lúcido e inspirado, usa a sua capacidade de sedução, é manipulador e compulsivo. É tão rígido consigo mesmo como com outras pessoas.

 

 

Peixes é governado por Netuno

Os eternos sonhadores do país das maravilhas, recheados de uma grande capacidade de imaginação e de uma excelente intuição que pode chegar à premonição. São densíveis e empáicos, gostam de consolar e curar todos. Discretos e parecem impotentes diante das transformações da vida. Tem problemas para se definir, os traços da sua personalidade não lhe parecem nítidos, é uma verdadeira esponja. Normalmente tem faro!

 

 

 

Faz sentido para vocês, identificam-se com estes traços, concordam com os astros?

Migalhas? Não obrigado!

nkjnkjnkjnk.JPG

 

 

 

 

Sabem aquela célebre frase do Diácono Remédios: Meus amigos, não havia necessidade!

 

Se chegamos ao fim do dia com aquela sensação que estamos a ir contra os nossos princípios, seja no trabalho, nas amizades ou numa relação, quando sentimos a nossa energia sugada é a hora de pararmos para tomar consciência do rumo que a nossa vida está a levar e terminar esta batalha.

Terminar com este ciclo é um ato de verdadeira coragem, parar de adiar por receio do que irá acontecer connosco ou por reações alheias.  

Só nós sabemos o que é que queremos para a nossa vida, pode vir o pai, a mãe, a prima ou amiga opinar, mas como costumo dizer: "a vidinha é minha, sou eu que a experiencio e só vivo uma vez!".

Ninguém pode decidir por ti, ninguém pode sentir por ti, ninguém pode viver por ti.

 

 

 

"Dono do meu destino, capitão da minha alma" 

Martin Luther King

 

 

 

Será que vale a ena sofrer as consequências do piloto automático e deixar o nosso navegar ao sabor do vento e das marés? 

Que tal tomarmos as rédeas da nossa vida? As atitudes comandam a vida.

 

Basta de sobreviver, do tanto faz, do deixa andar, do esperar sentado, é chegada a hora de viver e de viver como merecemos e não menos do que isso!

 

Vamos fazer o exercício de nos colocarmos fora do nosso corpo e observarmos o espétaculo da nossa vida, como um mero expectador. Serenamente analisemos o que não nos agrada neste momento. Olhemos para esta pessoa que vemos agora e percebamos quais as atitudes que toma e que não acarretam nada de positivo, que convívio tem tido com pessoas que a amam e que importância tem dado a coisas que nada de bom lhe trazem. Como lida com as dificuldades e se desiste na primeira escalada. Analisemos se os amigos serão realmente amigos e se aquela pessoa insiste em conviver com relações abusivas.

 

Aí, sentado nessa bancada, quais conselhos que darias a esse ser humano?

 

Eu tenho medo de ficar nesta mesmice, antes assumir o controlo da minha vida, sonhar, inventar

Se não tentarmos nunca vamos saber.

Eu acredito em mim!

 

 

 

O amor não é um sentimento, é uma atitude.

21112-NTY02H.jpg

 

 

 

 

 

 

Saudosas aulas de psicologia de debate nestas questões dos sentimentos, emoções e atitudes. Há pessoas que não passam pela nossa vida por acaso e esta docente do ISSSP é sem sombra de dúvidas um ser marcante. Gosto de gente e de conteúdo desafiante, que nos faz refletir, que nos faz evoluir como seres humanos lindos que somos. Hoje o tema é o amor e então vamos mesmo ao que interessa.

 

O amor não é um sentimento. O amor é um ato! Uma atitude em favor do outro...

 

Sentimos fome, calor, dor, medo, raiva, ansiedade, que acaba mais cedo ou mais tarde por passar. Podemos estar felizes e de um momento para o outro ficamos tristes e isso porque os sentimentos são passageiros.

 

Podemos então colocar o amor nestes moldes?

 

Quando gostamos de alguém esse sentimento pode evoluir para amor ou se sentirmos raiva, também pode passar para ressentimento. A raiva também é passageira, muitas vezes temos discussões e pouco tempo depois estamos no mimo, porque será que isto acontece?

 

Porque:

 

O amor não se iguala a este contexto de sentimento.

O amor não é frágil. O amor não é um sentimento.

O amor é um ato, uma atitude em favor do outro.

 

 

Then, What is love?

O amor é um ato que nos conduz a fazer o bem a outra pessoa.

 

 

No último casamento que testemunhei, o meu mais que tudo adorou as palavras pronunciadas durante a cerimónia, fez questão de as sublinhar para mim para me relembrar (porque será?), texto este escrito no capítulo 13 do livro de Coríntios que nos diz:

 

 

“O amor é paciente, o amor é prestativo;

não é invejoso, não se ostenta, não se incha de orgulho.

Nada faz de inconveniente, não procura seu próprio interesse, não se irrita, não guarda rancor.

Não se alegra com a injustiça, mas se regozija com a verdade.

Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor jamais passará."

 

 

Se o amor é paciente: Quantas vezes somos pacientes em nosso dia-a-dia?

Porque é que então sou impaciente com as pessoas que amo?

 

Se o amor é prestativo, ser prestativo é amar! 

 

O amor é verdadeiro. Tudo desculpa tudo crê, tudo espera, tudo suporta. Isto significa amar mesmo quando o outro não merece ser amado.

 

 

Amar consiste em entender o outro, ajudar, ao invés de ficarmos a reclamar das situações do quotidiano.

 

 

 

Parado, à espera de milagres, rezando... Não é assim que se chega ao destino.

Treinar,  estabelecer objetivos, companheirismo, trabalho em equipa, ou o que quer que lhe queiramos chamar, o que importa é fazer! 

 

 

Se não nos pronunciarmos, manifestarmos ou concretizarmos uma intenção, será apenas uma vontade invisível aos olhos do mundo. Se a intenção é comunicar realmente como adultos, precisamos falar e concretizar as intenções.

 

 

O amor é uma ação concreta de generosidade e crescimento mútuo. 

 

 

 Amor é diferente de capacidade de gerir um relacionamento.

 

Uns sabem amar, mas são fraquinhos na hora de gerir um relacionamento. Não sabem o tempo certo para sair, ter relações sexuais, fazer declarações, são mesquinhos, descuidados, pouco atenciosos, tem muito amor e pouca ação.

 

Outros há que são prós em logística amorosa por serem organizados, mas tem pouca vontade e são frios, ou seja muita organização e pouco amor.

 

Existem ainda os que se não sabem fazer nenhuma das duas coisas e os casais realmente saudáveis que estruturam bem as duas componentes.

 

Não basta falar "eu amo-te" se, na realidade nos mostramos incapazes de resolver conflitos simples.

 

 

Amor e uma cabana não funciona, só em filmes.

Amor e logística são complementares

 

 

A realidade nua e crua é que num relacionamento é necessário existir contexto, dinheiro, cultura, estudo, viagens, lazer, trabalho, tempo de casal, tempo individual, amigos, família...

Quanto mais diversificado é a vida em casal, mais crescimento conjunto há.

 

 

E se há citação que eu concordo é a de que o amor não está nas palavras está nas atitudes!

 

 

Um abraço por dia, nem sabe o bem que lhe fazia...

944297_655085134508600_483257828_n.jpg

 

 

 

Haverá quem não goste daquele abraço?

 

Aquela sensação de conforto, proteção, de mimo, do "eu estou aqui para ti", aquele apertadinho que prende a respiração e nos faz sentir que tudo esta, ou vai ficar bem...

 

Estudos dizem que os abraços para além da componente afetuosa previnem doenças de stress e até infeções.

 

Como é sabido, o stress e a ansiedade são factores que provocam maior propensão para contrairmos doenças. Quando estamos a atravessar algum conflito, temos menos resistência para combater, por exemplo, os efeitos da gripe. 

 

Posto isto, um abraço por dia nem sabe o bem que lhe fazia!

 

Esta provado que pessoas que tem mais apoio social ou de pessoas de confiança não desenvolvem sintomas da doença, ou então são mais brandos. 

Agora percebo porque é que as gripes que tinha em criança passavam rapidamente, o mimo que recebíamos, as massagens com vicks da mama, tudo contribuía para nos sentirmos confortáveis e mais resistentes para combater o vírus.

 

As pessoas com maior apoio social são menos propensas também aos efeitos do stresse. Aumentando a frequência de abraços, reduz os efeitos prejudiciais do stresse“.

 

E nós abraçamos tão pouco.... Que tal fazermos a partir de hoje o exercício de abraçar mais? Tão simples, tão barato e dá milhões....

Vamos a isso, com muito mimo à mistura. Está lançado o desafio!

 

 

Mais sobre a coelha

foto do autor

Pub

Parceiros

lista de parceiros

Vasculhar

 

Correio

Instagram

Facebook

Bloglovin

Follow

Baú

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D